Minha experiência com cartas

1 Comments

São poucas as pessoas nesse mundo que ainda recebem cartas. Na verdade, os correios só trabalham para levar contas e objetos. Ninguém manda sentimentos um para os outros. Sim, eu sei que tem as mensagens de textos e ligações. Mas esperar por uma carta é muito mais emocionante. Receber então, nem se fala.
Nos últimos dias, eu tive uma experiência muito legal com cartas. Aliás, estou tendo. 
Em março do ano passado, eu conheci uma pessoa.Vocês já devem ter notado pelos textos aqui do blog e ter descobrido como ele é. Mas, foi tudo começar a dar certo com a gente que ele teve que ir embora. Em junho do ano passado ele foi morar no Espírito Santo, e provavelmente só voltaria daqui a 3 anos. E foi muito difícil na época aceitar aquilo tudo. Eu estava realmente apaixonada por ele, mas ele estava tão distante. Decidi esquece-lo e começar tudo de novo. Não deu certo. Um ano se passou, mas eu pensei que havia me esquecido dele e que ele tinha me esquecido também. Mas, na mesma semana que eu estava pensando muito nele, eu recebi uma carta dele. A carta dizia que nada mudou e que ele sente as mesmas coisas que ele sentia a 1 anos atrás.
Eu nunca havia recebido uma carta antes. Receber, ler e sentir foi a melhor sensação do mundo. Eu, obviamente, respondi e agora nós trocamos cartas.
"Ah, mas porque vocês não ligam um para o outro ou trocam mensagens?" A verdade, é que o pai dele não gosta muito de mim e não deixa a gente conversar. Mas eu estou achando essa minha experiencia simplesmente incrível.


Trocando cartas por mais ou menos uma semana, eu recebo a noticia de que ele está voltando. Isso me fez pensar que quando a nossa vida está dando errado, sempre acontece algo que vai melhorar. Eu estava passando por momentos estranhos e ruins e tudo isso passou quando eu recebi aquela carta. Nunca deixei de acreditar em um final feliz, ele só foi se perdendo no meio das palavras. E sentimentos que viraram palavras. 
O que eu quero dizer com isso tudo? Nada. Na verdade, estou deixando só um pequeno texto para vocês refletirem (e mandarem uma carta para aquela pessoa que eu consegui ativar na sua mente sem citar nomes).

Fico por aqui! Não se esqueçam de mandar uma carta e fazer tudo que sempre quiseram. Afinal, não se sabe o dia de amanha. Abrace sua mãe, alimente seu gato e não se esqueça... amanha é um novo dia.


                                                                    ~Bá


You may also like

Um comentário:

  1. Nunca recebi uma carta igual a sua , e concordo que as pessoas deveriam mandar mais cartas para as outras . ameeeei o post bah!!! beijooo

    ResponderExcluir