O que eu procuro em alguém

0 Comments

O que eu procuro em alguém? Ah, pode ser complexo. Pode ser extenso. Pode ser confuso, pode ser um texto. Eu procuro respostas, caminhos, destinos. Alguém que acredite nas mesmas loucuras que eu. Alguém que se arrisca nessas loucuras e sai dando risadas no final. Procuro alguém que se atreva a chegar perto e descobrir tudo de bom que eu tenho aqui dentro.

Procuro alguém que ame meus defeitos, entenda meus erros e me ajude a acertar. Não procuro alguém bonito, rico ou coberto de status. Não procuro um jogador de futebol, vocalista de uma banda ou modelo. Procuro alguém que me faça não desejar nada mais, além dese alguém.

Procuro alguém que ame minhas estrias, meu cabelo (naturalmente) enrolado, meu rosto sem maquiagem, meu sorriso sem graça, as minhas caras e bocas quando estou com muita raiva. Procuro alguém que não vá virar apenas mais um na minha lista. Mas que, mesmo que não seja eterno, me faça lembrar de cada pedacinho e pensar em como valeu a pena.

Eu procuro alguém que vá ouvir músicas ruins comigo, vá me fazer cafuné nas tardes de domingo, que vá rir das minhas piadas sem graça e que vá me apoiar em cada decisão que eu tomar daqui pra frente. Procuro esse alguém que me faça chorar. Não de raiva ou de tristeza. Mas de saudade e ansiedade de vê-lo novamente.

Não existe perda de tempo, mesmo. Eu andei pensando nisso ultimamente e o tempo não é algo para se perder. Cada coisa que fazemos com, é um ganho. Ganhamos experiência, palavras novas e histórias para contar. Procuro alguém que vá contar essas histórias comigo.
Sei que dizem por aí que a resposta está dentro da gente. Sim, talvez esteja mesmo. Mas eu sou um buraco negro bem fundo. Preciso de algumas ajudas para achar essas respostas. Sim. Procuro alguém que vá nesse fundo comigo.

Procuro alguém que vá descobrir cada pedacinho de mim, e se apaixonar por eles. As diversas manchas que tenho espalhadas pelo corpo, as cicatrizes de um passado terrível, meus fios de cabelo branco, meu dente meio torto e manchado. Quero alguém que olhe pra mim e fale o quanto eu sou linda (mesmo não sendo) todas as vezes que eu precisar.

Procuro alguém para ficar atoa no final de semana. Ouvindo as asas dos pássaros, música boa (também), fazer planos impossíveis e olhar bem no fundo do meu olho e dizer: "Please, baby, show me your world."
Procuro alguém com o beijo perfeito, a voz perfeita, as palavras perfeitas. Procuro alguém que complete toda a minha confusão, porém não deixe meu coração tão vazio.

É. Talvez eu procure alguém meio invisível.
Mas eu tive muita sorte de te encontrar dando sopa por aí.





You may also like

Nenhum comentário: